Blog

Radionovela: A mais nova vedete na educação ambiental

Em plena era digital, a ONG Econordeste de Garanhuns cria uma web radionovela com tema sobre recursos hídricos


28 Jan 2016

Radionovela: A mais nova vedete na educação ambiental

Com grande sucesso no passado, as radionovelas divertiram muitas famílias brasileiras na era de ouro do rádio nos anos 40. Mas, assim como o próprio rádio, elas foram perdendo espaço com a chegada da televisão e suas telenovelas. Atualmente, mesmo com as tecnologias disponíveis, o rádio mostra que ainda tem seu lugar garantido entre os meios de comunicação mais usados do nosso tempo e que se faz presente em qualquer lugar e em qualquer momento. Melhor do que isso é poder associar conhecimento às tecnologias digitais disponíveis na produção e acessibilidade das radionovelas através dos computadores, notebooks, tablets e smartphones. E foi pensando nisso que a equipe da ONG Econordeste produziu a web radionovela O Conto das Águas pelo Projeto Águas de Garanhuns que é patrocinado pela Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental. São 14 capítulos inéditos cuja trama traz, de forma simples e divertida, informações sobre tudo que envolve os recursos hídricos de uma determinada cidade do interior e de como seus personagens enfrentam os descasos ambientais e buscam soluções para os problemas das nascentes e do riacho daquela cidade. Para a roteirista e diretora da radionovela, Lucilene Simões, saber sobre recursos hídricos envolvendo assuntos por vezes complicados para um público leigo como é o caso, por exemplo, dos relacionados à legislação, em especial o Código Florestal, pode se tornar algo divertido. Lucilene, que também faz parte do elenco de radioatores, enfatiza que: Conhecer o que há de mais sério no tocante ao meio ambiente através do entretenimento é a melhor forma de aprender a agir de forma ambientalmente correta. Assunto é o que não falta para os personagens do Conto das Águas que travam diálogos descontraídos cuja ficção reproduz a vida real de muitas populações das cidades brasileiras envolvendo, inclusive, memórias de família, crendices populares e lendas da nossa literatura. Claro que o que há de mais moderno em tecnologia também foi abordado na radionovela como os aplicativos de redes sociais, de clima e de tempo disponíveis nos celulares do homem do campo como aliados no desenvolvimento ambiental sustentável. Para ouvir a Radionovela O Conto das Águas, clique aqui.


Texto: Walter Leal / Revisão: Lucilene Simões


 

Patrocínio

Executora